Notícias

Ver notícia

Entre as intervenções estão a execução de aproximadamente 30 quilômetros de rede coletora em Canoas e 4,5 mil novas conexões ao sistema no bairro Harmonia, antecipando o cronograma de universalização do tratamento de esgoto no município, inicialmente previsto para o final de 2022. A antecipação foi possível graças a ação conjunta entre a Prefeitura de Canoas, Ambiental Metrosul e Corsan visando melhorar os índices de saneamento na cidade e, consequentemente, a qualidade de vida de quase 75 mil pessoas que serão atendidas pelas melhorias nessa região.

O anúncio das obras foi feito na manhã desta quarta-feira (28), em Canoas, em ato simbólico que contou com a presença do prefeito do município, Jairo Jorge; dos diretores da Metrosul Ângelo Mendes e Fábio Arruda e dos representantes da Corsan, o gestor da Unidade de Negócio Eden Soares; a Superintendente de Relações Institucionais, Samanta Takimi e o Diretor de Expansão, Andre Borges.

Com investimentos de R$ 29,8 milhões, a construção das redes terá seis frentes de trabalhos e previsão de conclusão ainda em 2021, considerando boas condições climáticas. Poderá haver algum transtorno temporário a uma parcela da população, mas as intervenções trarão benefícios a todos, inclusive com a recuperação e a preservação ao meio ambiente e os mananciais da região. Além disso, as obras contribuem diretamente à despoluição da Vala da Curitiba que há décadas sofre o impacto da falta de saneamento. Conforme análise da área de engenharia da Metrosul, o esgoto gerado no Harmonia segue direto para a vala pelas galerias de águas pluviais.

A nova rede de esgotamento sanitário no bairro permitirá a conexão de aproximadamente 6,3 mil economias ao sistema, reduzindo consideravelmente a emissão de efluentes para a vala uma vez que o esgoto dessas residências será direcionado à estação para o tratamento.

Uma série de outras iniciativas das secretarias de obra e meio ambiente do município como canalização, drenagem e limpeza da vala serão realizadas paralelamente a fim de contribuir com a recuperação e preservação do local. Nesse sentido, tanto a Ambiental Metrosul como a Prefeitura alertam a população quanto aos inúmeros danos causados pelo mau uso das redes de esgoto. Ligações indevidas das redes pluvial e cloacal bem como o descarte irregular de lixo na além de prejudicarem o sistema de esgotamento como um todo, transformam a Vala da Curitiba em um grande esgoto a céu aberto, contribuindo com o aumento de doenças e a desigualdade social na região.

Além dos benefícios ao meio ambiente, ajudando a diminuir a taxa de poluição, o acesso ao esgoto tratado também proporcionará mais saúde e dignidade aos moradores, e desenvolvimento ao município. “A antecipação dessas obras está sendo possível graças à união de esforços de todos, do trabalho conjunto que é o propósito dessa parceria. Levar o tratamento de esgoto e todos seus benefícios para quase 30 mil canoenses ainda este ano é muito gratificante neste começo de atuação”, destaca o diretor-presidente da Ambiental Metrosul, Ângelo Augusto Mendes.

Vale lembrar que, durante o segundo semestre, Canoas receberá, ainda, obras para 2,4mil conexões à rede em aproximadamente 15 outros bairros, atendendo mais de 13 mil pessoas. Essas ligações integram o pacote das 11 mil que serão executadas até o final deste ano em Alvorada, Cachoeirinha, Eldorado do Sul, Esteio, Gravataí e Viamão.

Conforme o diretor executivo da Metrosul, Fábio Arruda, começar as obras de universalização do saneamento antes do previsto reforça a responsabilidade da empresa com a população da Região Metropolitana de Porto Alegre. “Estamos totalmente empenhados em fazer com que as pessoas cada vez mais percebam os benefícios diretos da parceria, e para isso não estamos medindo esforços tanto no que diz respeito à nossa operação e prestação de serviços bem como ao cronograma de investimentos, com a antecipação das obras”, destaca.

Para minimizar eventuais transtornos, a Ambiental Metrosul está comunicando a população sobre as obras com antecedência por meio de mensagens em carro de som, folhetos deixados nas caixas de correio, cartazetes no comercio local e placas nos canteiros de obras indicando a previsão de conclusão dos trabalhos.

Em Viamão, cronograma de obras já começou

Estão em andamento as obras para construção dos primeiros quilômetros de nova rede coletora de esgoto, dos 240 que serão implantados no município em 10 anos. Os trabalhos serão realizados nos bairros Centro, Santa Cecília e Santa Isabel. Em paralelo, a Ambiental Metrosul fará a instalação dos ramais de ligação de esgoto e do terminal de inspeção e limpeza (TIL), estrutura na qual é feita a conexão da ligação intradomiciliar (sistema interno), deixando aptas 325 novas conexões à rede pública de esgoto, que atenderão em torno de 1,2 mil munícipes. A previsão é de que as obras sejam concluídas no final de setembro.

Compartilhar:

Veja Também

Revista Aegea Saiba mais
Revista Aegea

Faça o download da Revista Aegea e fique por dentro das novidades que acontecem na empresa.

Contato Saiba mais
Contato

A Ambiental Metrosul oferece um canal de comunicação eficiente. Entre em contato conosco.

Esgotamento Sanitário Saiba mais
Esgotamento Sanitário

A Ambiental Metrosul trabalha diariamente para ampliar e melhorar o índice de coleta e tratamento de esgoto.

Política de Sustentabilidade Saiba mais
Política de Sustentabilidade

Respeito ao meio ambiente e as pessoas, contribuindo para qualidade de vida e saúde da população onde atuamos.